segunda-feira, 29 de junho de 2015

Dicas para economizar nas compras do supermercado




Você sabia que o local de maior quantidade de compras compulsivas é o supermercado? Não é nas lojas de departamento ou lojas virtuais, como muitos pensam. Sabe por que? Mercados tem varias estratégias para nos atrair. 
Diversos fatores contribuem para que nem tudo saia como o planejado. 

Algumas dicas para economizarem na hora de fazer as compras:

Fique atento a algumas táticas utilizadas pelos estabelecimentos para chamar a atenção dos clientes e, consequentemente, fazer com que gastem mais. 

Uma delas é a maneira como os produtos são expostos. Geralmente , na entrada das lojas são colocadas bancas temáticas relacionadas com a época do ano e seus artigos (produtos para ceia de Natal, ovos de chocolate na Páscoa, material escolar na época de volta às aulas, etc). “Como o carrinho ainda está vazio, o consumidor pode acabar levando produtos que não pretendia comprar inicialmente”

Olhe para baixo e para cima Outra tática é dispor nas prateleiras mais altas na altura dos  olhos os produtos mais caros, de marcas tradicionais, que pode ser comprado sem que o consumidor possa pesquisar corretamente todas as ofertas. vá com calma e olhe bem os produtos de baixo e de cima assim você consegue visualizar preços mais em conta e normalmente com a mesma qualidade do mais caro. "É bom observar os produtos que melhor atendem à sua necessidade e que são consumidos com regularidade por sua família. Registre o consumo de acordo com a rotina da casa"

Para driblar esses pequenos "truques" de vendas dos supermercados é preciso se programar. 

Faça uma lista de compras A lista deve conter os ingredientes para o seu cardápio semanal. Fazer uma lista nos livra dos excessos e do consumismo. Isso evita aqueles impulsos de levar coisas desnecessárias, como uma bebida que você nem gosta tanto ou um pacote de salgadinhos que engorda e faz mal à saúde.
Quando perceber que algum alimento está muito mais caro do que o habitual, faça substituições. “O feijão, por exemplo, pode ser substituído pela ervilha em algumas ocasiões e o arroz também pode ser trocado por algumas massas e alimentos congelados, se estiverem mais em conta”
   * Se você não gosta de papel e caneta também pode fazer no celular use o Keep ele serve pra anotar. Outras opções são: Boa Lista ou Meu carrinhofaça uma

Lista


Evite o desperdício. Pondere se há mesmo a necessidade de comprar uma grande quantidade de determinado produto apenas porque está em promoção. Frequentemente, alguns produtos entram em oferta pois estão perto da data de vencimento.

Deixe as crianças em casa Evite levar as crianças são consumistas e  influenciam na compra dos pais, principalmente nos produtos que têm publicidade focada no público infantil tudo o que veem ou é novidade elas querem, com isso suas compras podem sair do controle e se desviar da lista. Levando as crianças, a sua lista vai ficar muito além da sua previsão.
Não vá com pressa ao supermercado. Tempo e disposição são essenciais para que você possa comparar os preços corretamente 

Leve uma calculadora. Ela é muito útil para saber o preço unitário dos produtos, a exemplo de pacotes fechados de papel higiênico. (Lembre-se de que nem sempre o maior é o mais econômico)

Consumir produtos de marcas próprias de supermercados também é uma boa opção. Eles costumam ser mais baratos


Evite comprar tudo no mesmo lugar, sobretudo em dias de promoção, pois os supermercados podem compensar os descontos aumentando o preço de outros produtos que não estão em oferta

Fique muito atento no momento em que for efetuar o pagamento com o registro de preço dos produtos É comum a presença de preço diferente do que está indicado na prateleira

Anote os preços dos produtos de sua preferência por um período ou guarde o cupom fiscal por um tempo, para ter referência da variação do preço

Evite as compras mensais É mais cômodo e economiza tempo, mas as compras mensais podem gerar mais desperdícios, você corre o risco de exagerar na quantidade. Prefira ir quinzenal ou semanalmente ao supermercado, assim você evita comprar produtos que perderão a validade e acabarão no lixo. Um boa opção para poupar tempo são as compras pela internet.
Monte um cardápio semanal Monte um cardápio semanal aproveitando os alimentos que tem no armário. Verifique quais ingredientes faltam e então liste tudo para ir às compras.

Compre apenas o necessário, apenas aquilo que vai consumir, evite que frutas, legumes, verduras, hortaliças e carnes estraguem em sua casa ou que produtos passem da validade e acabem no lixo. Compre a quantidade mais próxima de um alimento que está descrito na receita de uma preparação e assim evite os restos na geladeira. Não se esqueça de dar uma atenção especial às datas de validade, principalmente de produtos enlatados.
Não vá com fome ao supermercado, pois as chances de você colocar no carrinho alimentos de consumo rápido e muitas vezes desnecessários é grande. Bem alimentado e com a ajuda de uma lista de compras fica mais fácil comprar somente o que for preciso. É comprovado que as pessoas tendem a comprar mais quando estão com fome. 

 Atacado versus varejo Escolha o tipo de supermercado: atacado ou varejo. Normalmente nesses locais há dois tipos de preços: o preço por atacado ou para quem compra em grande quantidade, como fardos ou embalagens fechadas e preço no varejo que é quando você compra um produto individual. Mas a maioria dos supermercados funciona no formato de fazer varejo, vendendo produtos de forma individual onde você poderá comprar com mais liberdade, mas geralmente com preços um pouquinho maior.

Use um fone de ouvido e ouça músicas agitadasAs músicas no mercado costumam ser bem calminhas, que faz com que diminua-se o ritmo cardíaco. Assim, o consumidor relaxa e gasta mais tempo andando e comprando.

Fontes: