sábado, 14 de maio de 2016

Como criar mudas de hortaliças, legumes, flores e frutas


 Limão

ALGUNS ALIMENTOS VOCÊ COMPRA UMA VEZ E PODE REPLANTAR

Consuma estes vegetais e deixe as bases intactas. Mergulhe-as na água, trocando por água a cada dois dias. Cuidado para não podar muito perto dos brotos. Quando as plantinhas estiverem com raízes maiores de 2 cm, plante em um vaso bem drenado e com terra fofa. Deixe em locais bem iluminados.




Manga







 KIWI





Abacaxi


Nesse site  detalham como reaproveitar essa delícia, ótima para saúde.

Coma o abacaxi, mas guarde a coroa. Remova as folhas da base e coloque a coroa em água. Em aproximadamente 10 dias as raízes aparecem e em três semanas elas já estarão completamente formadas. Quando isso acontecer, transfira-o para o jardim. Em 18 meses você poderá colher um abacaxi e repetir o processo com ele.



Maçãs




Se você tem espaço no quintal pode plantar uma macieira. Depois de comer a fruta, deixe as sementes para secar e plante-as, lembrando que nem todos os tipos de maçã crescerão em todos os climas. Demora alguns anos até você pode aproveitar sua própria fruta.


Abacate






Embora use a semente, é um clássico. Passo a passo aqui.

Batata doce







Nesse site  detalham como reaproveitar essa delícia, ótima para saúde.


Separe a parte da batata que tiver um “olho”  (aquele pedacinho áspero de raiz ). Antes do plantio, os pedaços de batata precisam ficar alguns dias em temperatura ambiente para secar. Quando estiverem completamente secos é só plantar, com bastante distância entre os pedaços. Lembre-se de que depois da colheita a batata doce precisa ser armazenada em um local quente e seco por até duas semanas antes do consumo é isso que faz delas doces.



Aipo (Salsão)

highdesertchronicles

Muito usado hoje nas sopas de regime, então melhor replantar para não ficar gastando dinheiro. É só cortar lá no talo, uns 5 cm, e deixar numa vasilha como um pires mais fundo com água, trocando sempre (ou use um copo cheio de água). Umedeça também a parte de cima da planta para não ressecar. Deixe num local ensolarado. Vai ver que folhinhas amarelinhas brotarão no centro, depois ficarão verdes. Após 5 a 7 dias de completo brotamento das folhas, passe para um vaso com uma boa mistura de terra e furos para drenar a água e em breve terá talos de salsão para seus pratos e sopas.

Acelga


Da mesma forma que o Aipo, reutilizar a parte inferior (raiz), “inútil”, da verdura. Muito fácil.


Alho-poró



veganana

Da família da cebolinha e tal qual, também brota fácil na água. Corte o talo com a parte da raiz, uns 5 cm, e coloque num recipiente não muito fundo ou apoie com dois palitos, um de cada lado, com água até o começo da raiz e vá cuidando para que não evapore e seque. Se for época de temperatura baixa, poderá manter na água mesmo, mas se for verão, replante num vaso com terra preparada, após criar as raízes. E as folhinhas brotarão e brotarão…




Alface 



Alface Romana


Poderá partir também para o cultivo hidropônico. Basta pegar a cabeça da alface, aquela que ia jogar fora, e colocar numa vasilha com água, troque sempre que necessário. 


Tipos de alface
O primeiro passo do processo é escolher a espécie de alface que será plantada. Japonesa, romana e lisa são boas opções, mas a alface-crespa é a escolha ideal para os jardineiros de primeira viagem, já que suas folhas são mais resistentes às adversidades.
Solo ideal para plantio
Em seguida, certifique-se de que o solo é fofo, rico em matéria orgânica e que tenha acidez baixa. Esses fatores são essenciais para o crescimento saudável da hortaliça. Além disso, é importante evitar áreas que fiquem alagadas nos períodos de chuva forte.
Muda ou semente?
As mudas são opções mais seguras para quem vai plantar alface seguindo métodos caseiros, pois as chances da planta não vingar são menores, assim como o tempo de espera pela colheita.
Plantio Para fazer o plantio de alface com mudas, é possível optar pelo cultivo direto no solo ou em vasos furados com pedras de brita, que permitem a vasão da água. Comece fazendo um buraco com os próprios dedos na terra, para acomodar a muda. Em seguida, cubra a raiz com substrato e umedeça o solo com água.Após 30 dias, seu pé de alface já estará pronto para consumo.
[in:.lartotal.]




hydroponicworkshop

Tomates










Técnica de irrigação, por garrafa PET. 

Alcança as raízes mais profundas, com o mínimo de água.
A muda de tomate requer muita água para não morrer, principalmente na raiz, que precisa estar sempre úmida. Use uma garrafa pet com muitos furos junto da raiz , basta encher até o gargalo que a água passa pelos furos e mantém o solo úmido.






Tomate coração de boi, cereja, chucha ou redondo são algumas das variantes deste fruto.
Local Escolha um local arejado e com bastante sol direto. O ideal será os tomateiros terem, pelo menos, 4 horas de sol por dia, para potenciar a qualidade e quantidade dos frutos.
Ao plantar tomates em vasos, estes não necessitam de ser demasiado grandes, ainda que o tamanho dos tomates vá variar consoante o tipo escolhido. Em média, vasos de cerca de 40 centímetros de altura são os mais indicados.
Plantar Os tomates devem ser semeados a partir do início da primavera, preferencialmente entre os meses de abril, maio e junho. Para produzir os seus próprios tomates, poderá optar por comprar sementes ensacadas, ou por aproveitar as sementes de tomates que consumiu. Se optar pela segunda hipótese, corte os tomates a meio e retire a polpa e as sementes. Peneire a polpa, lavando com água corrente e separe as sementes, que devem ficar a secar de um dia para o outro. Ao semear, faça-o no vaso definitivo, já que os tomates são altamente sensíveis aos transplantes.
Rega Tomates precisam de bastante água, mas não em demasia. É importante que, entre regas, deixe a terra secar à superfície, para que não fique demasiado úmida, propiciando o aparecimento de fungos e outras doenças. Evite molhar as flores e as flores.
Manutenção É recomendável o uso frequente de fertilizante ao longo do crescimento dos tomateiros. Assim que o tomateiro tiver ramos com flores, a parte superior do caule principal deve ser cortada, para estimular o amadurecimento dos frutos. É também aconselhável a remoção dos gomos que se formam entre as folhas, quando apresentam um comprimento de 2 centímetros. Acompanhando o crescimento da planta, prenda o tomateiro a uma estaca, para ajudar a suportar o peso dos tomates, sem vergar.
Colheita Os tomateiros irão dar fruto entre o verão e o outono, sendo que a sua colheita deve acontecer assim que estes se encontrem vermelhos e maduros. Para colher os tomates, sem prejudicar os caules do tomateiro, deverá rodar os tomates até que estes se soltem. Se preferir, poderá colhê-los ainda verdes, especialmente no tempo frio, e deixá-los amadurecer em casa.
[in:.feminina]



Cebolinha


wehearthome

Quando for usar a cebolinha, separe toda a parte branca e mais um pedacinho da parte verde. Coloque dentro de um copo com água, cobrindo cerca de 2,5 cm (a parte branca). Deixe num local ensolarado e dentro de poucos dias, terá cebolinhas novas para usar e não precisará mais comprar. Troque a água todos os dias. Se tiver um quintal, também poderá replantar.


Manjericão


blogspot

Separe mais ou menos três pares de hastes, corte-as com uns 10 a 15 cm, escolha as mais bonitas, retire as folhas da parte de baixo, também as flores, deixando apenas algumas folhas na parte superior. Coloque num copo de vidro com água até a metade e deixe num lugar ensolarado, mas sem luz direta e troque a água de dois em dois dias. Depois, quando as raízes estiverem com o tamanho de 2 cm é hora de replantar num vaso médio, grande ou numa floreira, pois ele precisa de espaço e de sol. Assim terá manjericão por um ano sem problemas, para molhos pesto, pizzas marguerita e qualquer outro prato.

Cebola



Cebola


Com a extremidade da raiz descartada da cebola, faça a mesma técnica da água que a cebolinha, e tantas outras que citamos. Então, após aparecer as raízes, coloque ao sol em um vaso com terra de qualidade ou diretamente no solo do lado de fora. 



Cebolinha, alho-poró e capim-limão

Corte o ramalhete das plantas na altura de dez centímetros acima da raiz. Em seguida, coloque-o em um copo cheio de água e próximo a uma janela ensolarada. Ele vai começar a crescer e você pode escolher plantá-lo ou continuar cultivando-o no copo.



Em um reservatório de plástico faça buracos para cada cebola coloque a  terra e acrescente as cebolas que vão  continuar crescendo


TRUQUE PARA VOCÊ PLANTAR ALHO FACILMENTE EM SUA CASA

Veja no link:

Alho


1001fakta


Aqui vamos aproveitar as folhas do bulbo. Não precisa ser replantado, se colocado os dentes numa vasilha de vidro com água, crescerá brotos que ficarão ótimos com batatas assadas, húmus, guacamole e qualquer tipo de salada por exemplo, mas use apenas as extremidades, que são mais saborosas. Para replantar o alho propriamente dito, é bem mais trabalhoso, veja o passo a passo.













Hortelã

domestocrat


Funciona da mesma forma que o manjericão. Depois precisa ser plantada também em um vaso maior e com furos em baixo, pois necessita de solo drenado e de muita água. Em nenhum momento a terra poderá ficar seca. Então cuidado com o sol da tarde.

Erva Cidreira





Não é preciso ter aquela moita enorme. Consiga cinco ou seis talos, deixe na água até criar as raízes e passe para o vaso com a terra já preparada. Ela suporta bem o sol, deve ser regada normalmente, assim terá sua erva cidreira para aquele chá quando estiver sem sono…


Alecrim

17apart

Faça o mesmo processo inicial do Manjericão e da Hortelã. Depois plante os galhinhos em um vaso com furos em baixo para drenar a água, numa mistura de 2/3 de areia grossa e 1/3 de terra musgo. Pela composição da terra, já se percebe que ele não curte muita água, então não regue demais, mantenha-o num local ensolarado. Vá cortando os galhinhos quando precisar, depois replante de novo. Essa técnica pode ser usada com outros temperos, como o coentro.

Cenouras


Cenouras em garrafa de refrigerante




Igual ao alho, vamos aproveitar as folhinhas. Também não precisa plantar, poderá usar as folhas para complementar sopas, saladas e até drinks de frutas, pois são muito nutritivas. Usará exatamente aquela parte da cabeça da cenoura que todos jogam fora. Assim como na imagem, o ideal é colocar várias numa vasilha com água pela metade, em 15 dias começam a brotar.

Gengibre




Benefícios para o nosso organismo: excelente para um sistema imunitário saudável e eficiente em infecções virais, remédio natural para enjoo, capacidade de acelerar o metabolismo, importante para quem quer perder peso, possui atividade anti-inflamatória e analgésica, sendo por isso indicado para auxiliar o tratamento de inflamações e dores é usado para tratar problemas digestivos, perturbações respiratórias, inflamação das articulações e dores menstruais. 


Se a pele estiver seca e caindo, são sinais de que o gengibre pode ter sido armazenado por muito tempo, ou seja, está velho, o que impossibilita o seu replantio.

É uma raiz bastante fácil de ter em casa, devendo ser plantada no final do inverno. 


Se o gengibre já estiver brotando, melhor ainda, pois ele é uma potencial muda.


1. Coloque um pedaço de Gengibre em água durante algumas horas.


2. Depois retire e coloque dentro de um saco de plástico, até a raiz começar a ganhar uns “olhos”, como no caso das batatas. 




Escolhido o rizoma com a capacidade de ser semente, envolva a raiz em uma toalha úmida de papel e coloque-a num vaso.


Mantenha essa toalha sempre úmida.

3. Quando tiver vários “olhos”, divida o gengibre em vários pedaços – garantindo que cada pedaço tem pelo menos um “olho”.
4. Quando houver uma boa quantidade de raízes brotando, já poderemos plantar o gengibre. Coloque num vaso profundo com pelo menos 30 cm de profundidade e largura (e use uma bandeja de drenagem) com uma mistura de terra e adubo (esterco). Encha um vaso deixando o olho ligeiramente saído à superfície. Um recipiente desse tamanho deve acomodar de duas a três raízes. Plante os rizomas logo abaixo da superfície do solo e cubra com uma camada fina de terra (uns 2 centímetros).
Mantenha o vaso num lugar com sombra se estiver no lado de fora da casa ou, se estiver dentro, num cômodo com baixa incidência de luz solar.
Inicialmente, regue com moderação, mas aumente assim que as raízes crescerem mais.
O gengibre gosta de calor e umidade.
Mantenha o solo úmido, mas não encharcado e em temperatura de pelo menos 23 graus.



5. Passados 1 a 2 meses a planta estará bastante grande, em 12 meses, os brotos devem ter cerca de 60 cm a 70 cm de altura, podendo atingir mais de 1 metro

6. A COLHEITA

No Outono, quando a planta secar, tire as raízes, limpe muito bem e armazene num local seco.


Fica pronto para colher de quatro a seis meses, é só puxar a planta inteira, incluindo as raízes.
Podem ser colhidos conforme a sua necessidade. Um pedaço da raiz pode ser cortado e o que sobrou, devolvido ao solo para um crescimento contínuo ou guarde um pedaço para plantar quando desejar.

Bulbos de tulipas



Rosas



Pimenta

Pimentas podem ser replantadas a partir das sementes que sobram. Quando for cozinhar, separe as sementes das habañeros e jalapeños, por exemplo. Coloque-as em solo fértil em um espaço com bastante luz solar. Cresce rápido e não precisa de muito cuidado.


Erva Cidreira




Se o espaço for pequeno aproveite um móvel com prateleiras e crie um espaço vertical


Boa colheita!


Fontes:
https://www.facebook.com/dicasdesaude2/photos/rpp.447909488635671/1292446397515305/?type=3&theaterasenhoradomonte | livinggreenmag | naturalcuresnotmedicine | naturallivingideas | ecycle | wikihow | asboasnovas | vegananapinterest
http://sossolteiros.bol.uol.com.br/15-alimentos-que-voce-compra-uma-vez-e-replanta-para-sempre/
http://www.curapelanatureza.com.br/
http://www.baudasideias.net/dicas/poupanca/plante-o-seu-proprio-gengibre/
Conexão Campo