quarta-feira, 23 de dezembro de 2015

Produtos para controlar estresse de animais com medo de fogos de artifício e prevenção de acidentes com animais nas festas de final de ano


Cuidados simples





1 - Decorações da Árvore de Natal




Filhotes de cães e de gatos têm atração por penduricalhos, ao brincar,  correm o risco de quebrá-los e se ferir com pontas e pedaços, às vezes até engolir e engasgar.


Dicas:

Monte com bichos de pelúcia






Observe como seu pet reage em frente a árvore.
Monte a árvore em um local que você possa fechar e ele não tenha acesso.



2 - Pisca-pisca 

As luzes podem chamar a atenção do mascote que, ao tentar morder a fiação, corre o risco de se eletrocutar.

3 - Alimentos das ceias

Todo o alimento que não faça parte da alimentação balanceada e rotineira de seu pet pode ser prejudicial. "Todo ano vários animais ficam intoxicados, com vômitos e diarreia, por comer algo que não estão acostumados e acabam passando muito mal”
Dica:
Alimente com a ração de costume antes das ceias e de outras refeições para que ele esteja satisfeito durante as comemorações e não peça. Se ele pedir resista. Durante a digestão os animais ficam sonolentos, o que é uma boa estratégia para aqueles que sentem medo dos fogos de artifício. 

4 - Fogos de Artifício




Durante o período de festas de Natal e Ano Novo é comum que os pets se assustem com os fogo, para que seu amiguinho também aproveite feliz essas noites, são necessários alguns cuidados.

Ao contrário do que pensam (que é o barulho que os assusta, por terem audição aguçada) é o medo do que está acontecendo que os perturba, assim, se você for passar em casa as festividades, é essencial que mantenha-o por perto, demonstrando que está tudo bem, que não há perigo. Brinque com ele e o distraia com outros atrativos: seu brinquedo preferido, comidinhas especiais, dentre outras coisas. Se o caso for de deixá-lo só, indica-se que ele fique em um cômodo confortável, que ele tenha afinidade e onde se aconchegar para esperar passarem os fogos.  

Também existem pets que escalam objetos, ou se machucam em portas, tentando cavar, arranhar, desesperados por uma fuga devido ao medo, atente-se a essa possibilidade, verificando se o local que irá deixá-lo não há nada que cause risco algum.  

Além disso, alguns medicamentos ajudam a relaxa-los e passar por esses eventos traumáticos com mais calma, são eles:  


Stress Away





Calmisyn TP atua na redução de stress de cães e gatos



Possui aminoácido Triptofano em altas concentrações, uma substância comprovadamente eficaz para tranquilizar o animal, reduzindo os comportamentos ligados ao stress. O suplemento atua na síntese da serotonina, neuro transmissor fundamental para as sensações de bem estar e felicidade.

Calmisyn TP tem seu efeito percebido a partir do terceiro dia de uso.

É indicado nas seguintes situações:

  • Viagens longas
  • Fogos de artifício
  • Banho e tosa
  • Festas com excesso de barulho
  • Você e seu animal sem stress.
www.konigbrasil.com.br


Anizen



O Anizen, você deve usá-lo borrifando no ambiente e nos alimento dos animais duas a três vezes ao dia! Ele ajuda muitoooo para acalmá-los.




Outro medicamento, esse pode ser encontrado em farmácias, é o Sono Tabs: se o cãozinho for de porte pequeno recomenda-se 15 gotas, quando maior, deve-se aumentar a dose.



Use uma técnica muito simples – chamada Tellington Touch.
Esse método se baseia na informação de que animais que possuem esse tipo de pavor também têm grande sensibilidade nas regiões traseiras, patas e orelhas.
Sendo assim, consiste em atar seu cão com um pano para que a circulação sanguínea das regiões extremas do corpo seja estimulada, amenizando as tensões localizadas no dorso do animal e diminuindo sua irritabilidade. Veja:

Amarre seu cachorro de forma que a faixa englobe peito e dorso (formando um oito), finalize dando um nó na região traseira, mas certifique-se que não esteja exatamente sobre a coluna.

O ato de “amarrar” seu cachorro reverbera no sistema nervoso dele, que recebe a informação sensitiva, envia ao cérebro e o deixa mais calmo, visto que essa pequena pressão ativa seu sistema nervoso autônomo.

Conforme o corpo sente a pressão das faixas, sua psique e tronco entram em harmonia, fazendo com que o pet sinta-se mais seguro e possa enfrentar momentos que lhe causavam medo e pavor.
Cuidado: pegue leve na hora de apertar a faixa.








Com esses cuidados, pets e tutores poderão desfrutar das festas sem preocupações.
Veja mais no link: http://www.bolsademulher.com/pet/seu-cachorro-tem-medo-de-trovao-e-fogos


Marchinha

POR QUE VOCÊ SOLTA ROJÃO?

Ei, seu sem noção,
por que você solta rojão? ( 2 x )
Pare! Pare com isso!
Não solte fogos de artifício! ( 2 X )

Se esse tormento pra você é diversão
Mas para os bichos é tortura e agressão
A gente está pedindo coM educação
CHEGA de tanta explosão!...
Se até a gente não aguenta mais, coitado dos animais!

Autoria: César Rocha / Carlos Kbelo



Fontes:
http://sossolteiros.bol.uol.com.br/truque-do-pano-proteja-os-cachorros-dos-barulhos-de-fogos-de-artificio/